quinta-feira, 7 de janeiro de 2021

É importante ser igreja?

 


A nossa fé não é nossa.

Termos a Deus e pertencermos a Ele, não quer dizer que não precisamos dos outros.

Na comunhão nos mostramos, sem medo de sermos vulneráveis. Na família somos como somos e nos ajudamos, acolhemos, suportamos e crescemos.
Isso se dá no encontro, na casa comum, no comer juntos, no partir do pão.

E assim crescemos, nos encorajamos mutuamente e compartilhamos também das alegrias, sejam pequenos mimos, conquistas ou realizações.
E o que vimos, ouvimos e experimentamos já não pode ficar somente conosco, por isso falamos, testemunhamos.

E Deus vai juntando uns aos outros, os que vão sendo salvos, formando uma grande família, de modo sobrenatural, que viverá eternamente junta!

"É tão impossível, desnecessário, e indesejável ser cristão sozinho, quanto ser um bebê recém-nascido sozinho."
(João Calvino)


Carlos R. Silva


quinta-feira, 31 de dezembro de 2020

Como assim, agradecer?


Deem graças em todas as circunstâncias, pois esta é a vontade de Deus para vocês em Cristo Jesus. (1Ts 5.18)

Ao final de mais um ano, agradecemos. Está na palavra “obrigado”. É reconhecimento. Ficamos obrigados a fazê-lo, aos que nos ajudaram a chegar e, em especial, a Deus por seu favor e presença constantes. Diante da sua grandeza e misericórdia não resta outra atitude.

“Deem graças em tudo” é o que temos aprendido. Começa-se por obedecer à ordem, não é um pedido. O contrário seriam ingratidão, murmuração e reclamação. Coisas que nos tornariam amargos e afastariam de nós os outros e nós de Deus. 

Nosso coração deve ser levado a agradecer, por isso a ordem do apóstolo Paulo. Somos inclinados ao conforto, ao esquecimento, à incredulidade e à indiferença. Por isso a ordem. Certa vez, Jesus curou dez leprosos, mas só um voltou para agradecer. Este é o coração humano. Tristemente, hoje, os que voltam poderiam ser menos do que os 10% lá da Judeia.

Agradecer em tudo. o tempo todo, em toda e qualquer situação, agradável ou não, não é fácil. Não é que Deus seja cruel. Ele nem quer que se agradeça por coisas ruins como a dor, o desemprego e pandemia. Mas a gratidão que ele pede é porque, não importa o que aconteça, ele estará conosco cuidando, suprindo e confortando. "Nunca o deixarei, nunca o abandonarei" (Hb 13.5), foi isso que Deus prometeu. “E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos” (Mt 28.20) são palavras de Jesus.

Não se agradece pelo espinho na carne (2Co 12.7) mas pelo fato de que a graça de Deus é bálsamo na dor e no sofrimento. E isso ajuda a suportar com paciência e humildade. A vontade de Deus é que sejamos agradecidos porque ele está conosco no vale, na situação ruim e ele vai usar tudo isso para nosso ensino, construção e para a glória dele. 

Não teria sentido agradecer pela luta e pedir para ser livre dela em seguida. Pode-se pedir livramento e libertação sim, porém a gratidão é porque Deus está conosco nos ajudando a suportar, passar e livrando-nos, se ele quiser. 

Para dar graças o tempo todo é preciso crer que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam (Rm 8.28). Sem essa convicção sobre Deus e a sua vontade será impossível obedecer essa ordem e a dúvida sempre vencerá. 

Dar graças, sabendo que é isso que Deus quer, reorienta nossa visão. É preciso falar ao coração dolorido, ao teimoso e ao que está feliz: “Bendiga ao Senhor a minha alma! Bendiga ao Senhor todo o meu ser!” (Sl 103.1). 

E mais: sabendo que ele quer isso em Cristo, isto é, por meio de Cristo, as palavras de Jesus são um norte e um decreto: “sem mim vocês não podem fazer coisa alguma.” (Jo 15.5). Então, para permanecer, ser fiel e ser grato é preciso estar em Jesus!

Assim: graças a Deus pelo ano de 2020! Nunca mais seremos os mesmos. 

Referências

Bíblia de Estudo NVI. Ed Vida

NICODEMUS, Augustus. Mensagem de Ano Novo. Disponível em https://www.youtube.com/watch?v=YwxoD7vDDz8. Acesso em 31/12/2020

sábado, 26 de dezembro de 2020

Um Natal diferente

Neste ano foi meio quieto
Com ar de festa sufocada
Tantos queriam estar juntos
Impedidos, mas não de celebrar.

Irromperam votos de paz
Novos tempos, ânimo e esperança
Orações pelos que sofrem com perdas irreparáveis
Ação de graças pela vida, porque ela continua.

E a maior dádiva sempre presente
Nos corações e na mente
O Senhor, motivo da festa
Jesus: unindo, animando, trazendo esperança.

E sim, esse foi um Natal Feliz!
Porque o maior e grande valor
Foi orar, cantar e comer juntos
O poder do "juntos", símbolo maior do Natal.

Coisas simples, que sempre soubemos
Menos ofuscados pelo artificial
Pudemos celebrar com amor
Jesus, o presente especial!


Carlos R. Silva

sábado, 17 de outubro de 2020

Tocando em Frente

Não estou querendo dizer que já consegui tudo o que quero ou que já fiquei perfeito, mas continuo a correr para conquistar o prêmio, pois para isso já fui conquistado por Cristo Jesus.
É claro, irmãos, que eu não penso que já consegui isso. Porém uma coisa eu faço: esqueço aquilo que fica para trás e avanço para o que está na minha frente.
(Filipenses 3.12,13 NTLH)

Steve Jobs afirmou “A jornada é a recompensa!” (The journey is the reward). 

O que encanta e conta é a beleza do caminho. De nada vale caminhar sem perceber a jornada.
Suas dificuldades e empecilhos nos tornarão mais fortes e sábios. Suas alegrias serão grande fonte de ânimo e encorajamento.
Empoderados pela experiência será maravilhoso olhar e dizer: Cheguei até aqui! Melhor ainda quando o coração, alegre e grato, expressa: Até aqui me ajudou o Senhor!

A chegada não é a jornada, é apenas resultado dela. E na chegada a coroação, o prêmio e a inigualável sensação de que “valeu a pena”.

O apóstolo Paulo dá uma direção quando diz ser ainda imperfeito, não tendo conseguido tudo, corre para o prêmio. Ele o faz determinado, desapegado, esquecendo o que fica para trás.

A jornada é de aprendizado, dores muitas vezes, de paradas à beira do caminho para uma água e repor energias, alegrias e pequenas conquistas mas, tocando em frente, prossegue-se para o alvo. 

As barreiras não são para fazer parar, a recompensa não são as pequenas conquistas o alvo está lá na frente, prossiga para ele para o prêmio. “Esse prêmio é a nova vida para a qual Deus me chamou por meio de Cristo Jesus. [...] Portanto, vamos em frente, na mesma direção que temos seguido até agora.” (Fp 3.14,16).

Esse prêmio é uma nova vida ao ressuscitarmos da morte para a vida, como Ele, Jesus (Fp 3.11).

Vai valer a pena, toque em frente!


Pr Carlos R. Silva

sábado, 2 de maio de 2020

Alegria antecipada

Assim esperamos possuir as ricas bênçãos que Deus guarda para o seu povo. Ele as guarda no céu, onde elas não perdem o valor e não podem se estragar, nem ser destruídas.
Alegrem-se por isso, se bem que agora é possível que vocês fiquem tristes por algum tempo, por causa dos muitos tipos de provações que vocês estão sofrendo.
(1Pe 1.4,6 NTLH)


Aprenda a alegrar-se antecipadamente. O motivo da alegria maior está lá na frente, mas ela é certa, vai acontecer. Então por que não usufruir dela? Sim, é como sonhar. Você não vê, nem sente, mas constrói uma imagem, sonha, acredita!

Assim, enfrentemos e suportemos, tirando proveito, das aflições e provas de hoje. Elas são um incentivo para o aperfeiçoamento. Ocorrem agora, mas não para sempre. Na plenitude da salvação não haverá mais dor e teremos as lágrimas enxugadas.

Hoje, as provações estão aí testando e aperfeiçoando o caráter. Nos tornam mais resistentes, sábios e humildes. Nunca perca de vista que “todas as coisas trabalham juntas para o bem daqueles que amam a Deus” (Rm 8.28 NVI).

Para suportar traga esperança à sua memória (Lm 3.21). Pessoas, eventos e promessas. Há uma herança à sua espera, guardada e no céu, lugar seguro. Ela não perde o valor, não se estraga e não será destruída. Esperança viva e felicidade verdadeira guardadas pelo próprio Deus para um futuro próximo.

Apoie-se na esperança cristã, em Cristo, e alegre-se por antecipação!



Pr Carlos R. Silva


Referências:
Bíblia NTLH, SBB
Bíblia NVI, Ed Vida
César, Elben M. Lens. Refeições diárias com os discípulos - Viçosa, MG: Ultimado 2013